Início Destaque Mecânico morre atropelado por ônibus no corredor da integração

Mecânico morre atropelado por ônibus no corredor da integração

Vítima tinha 39 anos

O mecânico Alfredo Luís Gomes da Silva, 39 anos, morreu na tarde desta segunda-feira (19) após ser atropelado por um ônibus da empresa Transcol na avenida Miguel Rosa, em frente a autopeças Padre Cícero.

A morte da vítima foi imediata. O ônibus de placa PIM 5115 ficou com o para-brisa dianteiro quebrado. É a primeira vítima do corredor de integração.

Segundo informações, o mecânico tinha ido fazer compras na região e ao atravessar fora da faixa de pedestre foi atropelado pelo ônibus.

O cabo Marcos Aureliano da Companhia Independente de Policiamento de Transito – Ciptran da Polícia Militar (PM) afirmou que Alfredo Luis Gomes da Silva, 39 anos, morreu ao ser atropelado pelo ônibus da empresa Transcol que fazia a linha Shopping via Praça João Luiz Ferreira no centro da cidade, na avenida Miguel Rosa, no bairro Nossa Senhora das Graças, conhecido como Capelinha de Palha.

Ele disse que a vítima era mecânico e trabalhava na região. O policial informou que a Ciptran chamou a perícia criminal para fazer levantamento do local do acidente e o Instituto de Medicina Legal (IML) para recolher o corpo.

A cunhada da vítima, Diana Raquel, disse que Alfredo Luis trabalha na oficina mecânica Bom Jesus, que fica atrás do mercado da Vermelha e estava fazendo compras de peças nas lojas da Miguel Rosa para conserto de carros em sua oficina.

Segundo ela, Alfredo Luis Gomes tinha dois filho, uma jovem de 21 anos e um menino de 10 anos e morava no bairro Água Mineral na zona Norte de Teresina.

O Sargento Tadeu da Ciptran disse que tanto o motorista como o cobrador do ônibus da empresa Transcol fugiram do local do acidente após a morte de Alfredo Luis.

Muitas pessoas ressaltaram que este foi o primeiro acidente da integração de ônibus de Teresina e criticaram o sistema.

Meio Norte